01/03/12

Tapetes em salas





Tapete é sempre um complemento na decoração que desperta uma das sensações mais  gostosas : o tato .Tem coisa mais gostosa que poder caminhar em uma superfície bem macia ou então se esparramar com almofadas sobre um tapete bem gostoso?

Do mais simples ao mais sofisticado , passado de geração em geração , desde tempos muito antigos, o tapete sempre fez parte da história da humanidade.Nos castelos medievais servia para enfeitar as paredes e se proteger do frio, já que normalmente eram construídos em pedra ; em países do oriente é onde as pessoas se assentam para fazer as refeições e orar.

Dependendo do modelo e procedência , o tapete tem status de obra de arte e pode valer uma pequena fortuna.
Mas hoje , existem modelos para todos os gostos e bolsos.

Tamanhos , formatos , materiais são infinitas as escolhas.Em alguns lugares você consegue até mesmo fazer  um tapete personalizado.

Com tanta variedade, muitas vezes ficamos perdidos quanto à escolha de um tapete ,mas vamos a algumas explicações e regrinhas:

Material: obviamente que um tapete de seda , ou um oriental que custa  todo o salário do ano de muitos de nós , não poderá ficar em um  ambiente de muito trânsito.Para esses espaços , existem os de nylon , de algodão e de fibras naturais.Além disso temos que pensar na falicidade da manutenção e no acúmulo de pó.
Não é regra , mas normalmente ambientes de campo e em casas de praia a preferência e indicação recaem nos tapetes de fibras naturais.

Tamanho: em ambientes pequenos não se aconselha a usar tapetes grandes , porque  a sensação será de confinamento.Ele também deve ser proporcional aos móveis.Imagine um sofá enorme , com um tapetinho acanhado em frente a ele.Ficará parecendo um capacho.

Espessura: aí varia de acordo com o gosto pessoal.Aqueles bem felpudinhos como os de pele são uma delícia de se pisar.Mas imagina deitar em um desses para assistir à tv , com esse clima ameno que temos tido nos últimos dias!!!!

Cores e estampas: nada impede que o seu tapete seja o destaque da sua sala .E não existe a regra de que se o tapete for desenhado , móveis e almofadas terão que ser lisos.É óbvio que uma pessoa mais clássica e minimalista se cansaria facilmente de um tapete muito chamativo.E como é uma peça que não é trocada com muita frequência tem que ser muito bem pensada.
Mas tem que haver harmonia entre cores e estampas de almofadas , sofá e tapetes.
Abaixo algumas idéias para você se deliciar.

A delicadeza das flores do tapete se repetem nas almofadas.






Nesse ambiente as cores do tapete se repetem nas poltronas e almofadas.





Flores para todos os lados.O ambiente não pesa por causa da repetição

do motivo e das cores.Repare com é equilibrado.


Combinação interessante , onde o tapete ficou apenas à frente do sofá 

onde não havia a chaise.Lembra a grama do jardim e traz frescura par 
o ambiente.







Aqui o tapete cobriu praticamente todo o piso funcionando quase como um carpete.




Observe como o tapete , faz a separação do ambiente.


Aqui também o tapete funciona para setorizar os ambientes.


Um lindo Aubusson!!!!




Tapetes redondos às vezes são difíceis de usar , mas ficou lindo , 

numa repetição do formato nas mesas.


Padrão geométrico com repetição de cores nas almofadas.


Tapetes de padrões diferentes , mas cores neutras e mesmo material.
Um Kilim.
Os maravilhosos tapetes persas.Mil e uma noites!!!!




Nenhum comentário :

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...